Empreendedorismo secretarial
O Secretariado Moderno: Uma profissão de competências diversas
setembro 28, 2015
Aplicando A Arte da Guerra em 4 passos
Saiba como aplicar a Arte da Guerra na sua vida profissional
setembro 28, 2015

Empreendedorismo secretarial

Quando nos dispomos a falar em empreendedorismo imagina-se logo em um indivíduo abrindo um negócio, sua própria empresa objetivando vender produtos ou serviços.

Diga-se, então, que é materialização de um desejo, de um sonho, de uma vocação, ou de um talento. O individuo tem motivação demasiada trabalhando em determinado negócio, com atividades específicas, ou seja, é o brilho nos olhos, paixão pelo que faz que o estimula a romper obstáculos e se dedicar com tempo integral.

Neste sentido, Dolabela (2006) define o que empreendedorismo:

[…] aborda a relação de oportunidade entre o individuo e o seu sonho, a sua visão, a sua ideia. Uma ideia, para ser viável, além de sua coerência com o ambiente externo, deve ser congruente com o indivíduo empreendedor; Ao relacionar o resultado da atividade empreendedora aos sonhos, visões e desejos da sociedade e do empreendedor, o empreendedorismo pode ser visto como um instrumento auxiliar na construção da liberdade […]

No entanto é preciso que o indivíduo esteja com seus sentidos receptivos e atentos as demandas de mercado, identificando oportunidades ou até mesmo, criando situações que lhe permita empreender.

Particularmente, quando falo sobre empreendedorismo lembro com muita felicidade de um livro que li há uns 3 anos atrás do Fernando Dolabela, O Segredo de Luisa, pois ele aborda a história de uma menina que estuda odontologia, porém tem muita vontade de abrir seu próprio negócio, mas nada ligado à área de saúde e, sim, ao comércio. Luisa é influenciada pela atuação de sua tia Fernanda nos negócios e vislumbra abrir a empresa Goiabadas Maria Amália Ltda (GMA).

Fernanda não incentiva Luisa, pois a profissão de médico (odontologia) deixaria a família muito mais orgulhosa por esta carreira, em detrimento de sua atuação como empresária.

No entanto, ela percebe que Luisa tem um comportamento diferente quando se fala de gerenciar uma empresa. Mesmo estando mergulhada no universo da odontologia, e já quase no fim da graduação, Luisa resolve buscar ajuda para concretizar o seu sonho. Ela sabe o que quer, mas não saber como fazer o que quer.

No decorrer do livro, Dolabela apresenta todas as ações que Luisa desenvolveu para abrir sua empresa assim como, Plano de Negócios, Plano de Marketing, Lista de fornecedores, Cálculos de Faturamento etc. finalizando o respectivo livro relatando com o sucesso da empresa Goiabadas Maria Amália Ltda (GMA).

E a mensagem que fica para os leitores quando olham a capa do livro e se perguntam: Qual o segredo de Luisa? É que o segredo de Luisa é fazer o que gosta. É buscar realizar seu sonho profissional. É romper paradigmas. É ir além do que um curso de graduação ou MBA pode ensinar. É se auto conhecer e ter a certeza como deseja viver o resto de sua vida.

Percebe-se, neste relato que o importante é a pessoa se conhecer como um empreendedor e, independente de sua formação acadêmica, buscar realizar o sonho de abrir sua própria empresa.

Parodiando esta realidade com a profissão de Secretariado, tenho o conhecimento de que o Secretário também pode atuar como um empreendedor, pois a própria regulamentação da profissão de secretariado, designa as áreas em que o secretário pode atuar, sendo elas: Assessoria, Consultoria, Co-gestão e Empreendedorismo.

É nesse momento que vejo claramente uma relação da história de Luisa, estudante de odontologia, com alguns discentes em Secretariado: são profissionais com um talento aguçado a empreender, abrir um negócio, motivado a explorar um mundo de oportunidades, etc.

Dentro desta perspectiva, quero trazer a história de uma estudante em secretariado e que também é uma empresária. Refiro-me a Jéssica Melo, aluna do Curso de Graduação da Universidade Federal de Pernambuco, que é empresária da Jess Moda Feminina, a qual tem o objetivo de levar para os clientes produtos de qualidade no conforto do seu lar, local de trabalho e em qualquer lugar que o cliente esteja.

A Jess Moda Feminina nasceu para atender a demanda de clientes que não tem tempo para sair as compras ou mesmo nao gostam da agitaçao dos centros comerciais. Para fundamentar esta matéria, realizei uma pequena entrevista com a Jéssica Melo, para que os secretários conheçam um pouco de como tudo começou.

BS – Como você identificou esta habilidade de empreendedora?

JM –  Desde muito nova, eu sempre gostei de negociar, criar. Tudo que surgia eu vendia, todas as ideias eu colocava em prática, sempre colocando o meu “jeitinho” para deixar as coisas diferentes, com a minha cara e tudo feito com muita paixão, pois é exatamente assim que um empreendedor atua: Com amor pelo que faz, sempre se realizando com aquilo que ele conquista e agarrando todas as oportunidades que surgem.

BS – Como o curso de Secretariado Executivo tem contribuído para o seu empreendimento?

JM – Tudo que é visto em sala de aula eu procuro aplicar tanto na minha profissão como secretaria quanto no meu empreendimento. Na graduação, venho aprendendo sobre a importância das ferramentas tecnológicas, relacionamentos interpessoais, a otimização das atividades, o gerenciamento do tempo e muitos outros assuntos que são a base da minha vida profissional.

BS – Como consegue conciliar estudo, trabalho como secretaria e o seu empreendimento?

JM – A Gestão do tempo é algo fundamental para que eu consiga desenvolver todas as atividades de forma satisfatória. Planejamento e organização são fundamentais e este é o segredo de quem deseja empreender, tanto no ambiente de trabalho como a frente do seu próprio negócio. Foi exatamente visando a vida tão corrida das mulheres que eu identifiquei a oportunidade de criar a Jess Moda Feminina, uma loja virtual que leva até as mulheres produtos de qualidade com todo conforto e praticidade. O segredo para ter sucesso no seu empreendimento é exatamente enxergar as brechas do mercado e criar a sua oportunidade de negócio.

BS – Como secretária-empresária, qual a mensagem que você deixa para estudantes e profissionais de secretariado?

JM – O meu exemplo é apenas um dos diversos ramos que os profissionais de secretariado podem atuar e que esta é a profissão certa para as pessoas que assim como eu, gostam de desafios. Aos estudantes e profissionais: Pesquisem sobre a nossa área, são muitos os campos de atuaçao dos secretarios e certamente vocês irão encontrar aquele em que farão a diferença!

Após esse briefing sobre o perfil do empreendedor, ratifica-se que o profissional de secretariado também pode atuar nesse nicho de mercado, pois a formação acadêmica lhe dá subsídios que ajudam a desenvolver e aprimorar algumas habilidades e competências. No entanto fica a mensagem: Para conquistar tudo o que sonhamos e aspiramos, precisamos ter atitude, precisamos empreender.

Referências:
DOLABELA, Fernando. O segredo de Luíza. 30ª ed. São Paulo: Editora de Cultura, 2006.

Escrito pela leitora Prof.ª Belle Santiago – Mestre em Gestão do Desenvolvimento Local Sustentável

EnglishPortugueseSpanish